Sênior com orgulho!

 

O golfe, além de promover a socialização e nos dar imenso prazer, é um esporte muito benéfico já que trabalha tanto a concentração e o jogo mental, como a habílidade física. Se for jogado sem carrinho melhor ainda pois obriga a caminhar em média 6 km por jogo, trabalhando assim a capacidade cardiovascular. Por essas razões o golfe é um esporte exepcional para pessoas acima dos 60 anos.

 

A verdadeira beleza do golfe está na característica democrática do jogo em relação à igualdade dos jogadores. Todos em sua categoría tem chance de ganhar uma partida não importando o HDC e nem a idade do jogador. No Brasil existe um maior número de jogadores na categoria Senior do que nas outras. O número de eventos e viagens também é maior tendo a ABGS como grande incentivadora do esporte.

 

O jogador que está entrando no Pré Senior ou Senior pode se sentir frustrado em relação às espectativas de performance e ao desempenho físico, mas isso é natural.

 

O corpo inevitavelmente sofre um envelhecimento gradual. Os músculos perdem agua e capacidade de se contrair rapidamente, as articulações ficam menos lubrificadas, a capacidade pulmonar é menor etc. Mas o que realmente provoca uma degeneração rápida é a falta de uso. O sedentarismo. Anos trabalhando horas sentado, com pouco ou quase nada de atividade física durante o dia e uma alimentação errada vão ter um efeito deletério muito mais rápido e agressivo do que o normal. O ideal é que o nosso cuidado do corpo seja contínuo desde a infância, com exercício, dieta e qualidade de vida para que quando chegarmos aos 60 anos possamos usufruir melhor da vida e do esporte.

O individuo sedentário envelhece a um ritmo mais rápido do que um  que pratica atividade física. E não me refiro a jogar uma partida na semana, praticar atividade física é comprometimento com treinamento físico de pelo menos 3 vezes semanais. Jogar somente de fim de semana, além de não ajudar na manutenção da saúde, pode provocar lesões. Mova-se bem e com frequência.

 

A mudança no padrão de movimento é normal com o passar dos anos. Se seu swing não está como já foi um dia, você pode focar seu jogo em outro aspecto para manter a performance: A tática.

A sua tacada pode não ser tão longa, mas se trabalhar bem o campo e evitar decisões precipitadas típicas dos jogadores mais inexperientes, garanto que seu jogo vai lhe trazer muitas alegrias.

 

 Para manter seu jogo sempre saudável siga as recomendações abaixo:

 

  1. Não descuide da saúde: Lesões mal cuidadas, sedentarismo e outros hábitos insalubres se arrastam e te pegam cuando menos você espera. Aos 20 anos uma noite mal dormida ou uma refeição pesada de mais afeta pouco nosso dia, o corpo se recupera facilmente, mas algumas décadas depois isso não acontece. A gente paga a conta muito mais cara. Se exercitar, cuidar da alimentação, da postura e da saúde precisa ser um hábito diário, não um evento ocasional.

  2. Encontre seus pontos fortes: Se você é muito bom no putter, faça dele sua principal estratégia. Se seu jogo curto te tira de qualquer enrascada, também, use ele com sabedoria. Não foque sua energia no que  tem dificuldade (distância, trick shots) mas sim no seu positivo. Quando a distância vai diminuindo, sua experiência e mind game e a capacidade de se recuperar de um buraco desastroso precisam ser mais do que nunca seus melhores aliados. 

  3. Foque seu treino na consistência e no objetivo. Comparar seu video com o movimento de quadril do Jordan Spieth ou a velocidade do Dustin Johnson não te ajuda em nada. Precisa entender que técnica e estilo são duas coisas diferentes. Se seu swing não é bonito como o dos profisssionais, mas sua bola vai reta, fique feliz! distância é ego, o que importa mesmo é direção. Na tentativa de girar mais vc pode acabar compensando com um pivot reverso ou sway e estragando sua consistência ou pior, se lesionando. Não tente ir além da sua capacidade física, aprenda a jogar com o que tem e trabalhe na academia para expandir seus limites

  4. Não exagere: Bater 3 baldes antes de ir para o campo vai te cansar e desgastar sua energia necessária para manter a postura e energia durante o jogo. Se poupe! aqueça fazendo alongamentos dinâmicos, não batendo 300 bolinhas. Jogue 18 buracos e não 36. De novo, qualquer excesso e seu corpo vai pagar a conta. Quando estamos mais cansados nosso nível de atenção cai, a capacidade de manter a postura também e é nesse momento que você pode se machucar.

Aproveitar o que o golfe tem de melhor, a caminhada ao ar livre, a socialização e o exercício físico e mental sem causar desgastes ou estresse. Se não é para se divertir e ter prazer com o jogo, não vale a pena. Se machucar jogando, perder a cabeça em frustração ou ter práticas pouco saudáveis como fumar de mais em campo ou beber alcool na partida, não valem a pena. Faça isso pelo seu prazer!

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Entradas destacadas

TPI - World Golf Fitness Summit 2018

17 Oct 2018

1/5
Please reload

últimos posts
Please reload

Arquivo
Please reload

Buscar por tags
Síguenos
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square